sábado, abril 28, 2007

TU...

Tu és as asas das palavras que em mim nascem.
Tu és a raiz dos poemas que em mim habitam.
...

Ni*


7 comentários:

Nani disse...

Nina...

simples, mas lindíssimo.

Hoje fez um ano que o viveromumento "nasceu"...

hoje apenas republiquei um post que já tinha há vários dias, e publiquei outro...

apenas posso agradecer a quem fez com que ele "nascesse" e continuasse "vivo"...

Abraço

Nani

ferreira disse...

Como gostaria de ser EU... Com asas , raiz não quadrada, circular...de poemas por inventar.
Maravilhosas palavras estas-:)

Rui @t Blog disse...

Para teu conhecimento:


Deste modo, atribuo o Thinking Blogger Award a:

«Contra Capa» de Cristina Vieira, pela foma, frequência e conteúdo constantes, colocando à discussão, temas actuais. A escrita é incisiva, suficientemente resumida e pouco fica por dizer ou comentar;

«Ana Luar» de Ana Luar, pela beleza do conteúdo e profundidade dos sentimentos que nele coloca, sendo cada post, como um ramo nascido da própria Ana;

«A luz do poema» de Maat, pelo imenso horizonte e ensinamento onde este blog, sucedendo ao "Arde o azul" é apenas um exemplo dos demais blogs;

«O Alquimista» do Alquimista, pelo conteúdo e forma de escrita, tomando nos contos e lendas, uma forma actual e bela de transmitir conhecimento e sentimentos;

«momentUS» de Nina, pela beleza da escrita e modo de transmitir sentimentos de modo quase sobrenatural, transportando-nos a um estado letárgico de prazer no entendimento das palavras.
A exiguidade do número disponível para a atribuição, impedem-me de igualmente nomear, os seguintes blogs, que seriam, no meu entender, entre outros, igualmente merecedores:
«A luz do vôo» de Maria Costa;
«A minha louca paixão» do Simplesmente Louco;
«A Economia» do Simplesmente Louco;
«Parágrafos inacabados» de Raquel Vasconcelos;
«Teu sonho meu» de Azul;
«Myself» da Karla;
«A cidade do esquecimento» de Liliana;
«Pétalas minhas» de Vera Carvalho;
«Amanhecer & palavras ousadas» de Conceição Bernardino;
«Riso cor de Tejo» de Risoleta;
(entre outros).

Ni disse...

RUI:

Obrigada, Rui. Não me creio merecedora de palavras tão intensamente belas. Emocionaste-me.

Cleopatra disse...

Sintra... O sonho... a paixão.

Rui @t Blog disse...

De nada Nina. Não são belas as minhas palavras, mas talvez as razões que criaste para as mereceres.

mitro disse...

Belo!
(Não conseguiria dizer melhor!)