quinta-feira, abril 05, 2007

AQUI TE ESPERO, SOBRE A PONTE DAS CEREJEIRAS...



Jurei. Eu sei. E três vezes jurarei. Levanta os olhos da estrada. Caminho traçado por mapa, leva-te à terra do nada!
Guia-te pelas vontades, pelos concêntricos sinais. Ouve de ti mesmo as verdades, as danças descalças não as negues nunca mais.
E eu... sorrio, por este falar rimado, simples e cadenciado como letras roubadas a um fado.
Guia-te pelos meus dedos, senhores de segredos, ondulantes como corpos de amantes... que te tatuaram ao som do vento, num abraço que te ensinou a negar o lamento.
Jurei. Eu sei. É aqui que te espero, sobre a ponte das cerejeiras, nesta terra nossa, outrora de ninguém...


Ni*
(Na sequência de um texto do Coutinho Ribeiro, e de um texto/resposta da Cleópatra)

3 comentários:

Rui @t Blog disse...

Este texto é simplesmente delicioso, o que já não me surpreende. Magnífico.
Ouso sugerir que escreva um livro (caso não o tenhas feito já!)

ferreira disse...

Belissímo...

Nani disse...

Nina...

Acho que tenho de agradecer à Cleópatra, pelo facto de fazer-te desafios... Ou menos assim, esta escrita, que NÃO É pequena, surge...

... e de uma forma suave...mágica... sabia... tão superior a tantas outras...

A sugestão do rui não é nada má...

Sorriso... Mas só se um dos primeiros exemplares fosse para mim... ehehe :)

Beijinho grande de BOA PÁSCOA!!!


_♥♥___♥♥
_♥♥___♥♥_________♥♥♥♥
_♥♥___♥♥_______♥♥___♥♥♥♥
_♥♥__♥♥_______♥___♥♥___♥♥
__♥♥__♥______♥__♥♥__♥♥♥__♥♥
___♥♥__♥____♥__♥♥_____♥♥__♥_____
____♥♥_♥♥__♥♥_♥♥________♥♥
____♥♥___♥♥__♥♥
___♥___________♥
__♥_____________♥
_♥____♥_____♥____♥
_♥____/___@__\\___♥
_♥____\\__/♥\\__/___♥
___♥_____W_____♥
_____♥♥_____♥♥
_______♥♥♥♥♥

Que o coelhinho traga muitas coisas boas...

Ah! "Esqueci-me" dizer na mgs... GOSTO-TE!

Catarina

P.S.: Vou ganhar o comentário mais longo na blogsfera.