terça-feira, janeiro 16, 2007

CONSELHO




Sê paciente; espera
que a palavra amadureça
e se desprenda como um fruto
ao passar o vento que a mereça.

Eugénio de Andrade
*
...

3 comentários:

Cleopatra disse...

Tenho sido NI.
E já deixei esta afirmação por aí...mas... quem espera, desespera.

Ni disse...

...
Gostaria de te oferecer palavras em botão... daquelas cujo aroma a verde renascer pressentimos, daquelas que sabemos que se aproximam de nós.... para ficar, na plenitude esperada.

...
Fui às gavetas dos afectos e trouxe-te uma: «Ousa!».

Não esperes mais. Diz. Faz.
Não permitas ao desespero que descubra a tua identidade...

Sorriso com ternura

Ni*

amigona disse...

Lindo...lindo...