domingo, novembro 04, 2007

... PARA O OUTRO LADO DO ESPELHO.


Esta noite... deixa-me ser o embalo fluido, que te leva de ti para o outro lado do espelho.

Ni*

15 comentários:

Excelsior disse...

Uma singela frase...

...que transmite claramente, uma absoluta vontade de abrir os braços, as asas!, e no fluir de um Mar, mar sereno, Eterno...

...que é água...

...que é ar...

...que é vento...

...que é Sopro Estelar...

...poder saborear o IR de uma Ascensão Espiralada, num rasto de Sete Raios.... de um Regresso ao Lar...

...de dois...

...em UM...

...

(Luz. Gratidão. Eternidade.)

Ni disse...

EXCELSIOR:

Lindíssima, a interpretação dada por ti a uma simples frase...

O 'outro lado do espelho'... para além do visível... é um espaço/tempo que abarca tudo o que somos, na mais profunda verdade...

'país das maravilhas', nos contos infantis... a 'casa-mater'... o núcleo sagrado da essência da pura felicidade...

E existe, sim! :)

E quando alguém nos leva até 'lá' (pura expressão de linguagem... porque o 'lá' é aqui/agora/cá...)... num embalo de abraço, fluido e líquido... é único, esse momento! Um eterno renascer...

:)

Cleopatra disse...

Olá NI.
Hoje trago um sorriso maroto no canto dos lábios.

Também gosto do outro lado do espelho embora, não saiba muito bem o que lá está...

Creio que será tão só um reflexo de mim mesma.
Mas eu não tenho medo do meu reflexo.

Um dia tentei levar alguém comigo ao outro lado do espelho... Numa busca de verdade, de personalidades, de medos...
Com medo, partiram o espelho..
E agora?!
Um bj

Ni disse...

Olá, CLEÓPATRA!

(Sorriso maroto?! Mmmmm... - sorriso maroto também, perante o teu... - risos... somos incorrigíveis!)

...

Do outro lado do espelho? Um reflexo? E se o reflexo estiver do lado de 'CÁ' do espelho? :)

Eu sei que não tens medo :)
É esse não temer que nos faz sentir que vale a pena...

«Um dia tentei levar alguém comigo ao outro lado do espelho... Numa busca de verdade, de personalidades, de medos...
Com medo, partiram o espelho..
E agora?!»

AGORA... vou dizer-te algo que tu já sabes: HÁ ESPELHOS QUE NUNCA SE PARTEM!

O espelho de água dos afectos... aquele que é eterno no brilho lunar dos olhos... nenhum medo o parte!

Beijinho.

(Gostei do sorriso maroto...)

Excelsior disse...

*sorriso*

...Ni...

...de "simples", a tua frase, tem muito pouco... talvez a frase, o seja... Já o Sentir nela impregnado...?

:)

Que aches lindíssimo, algo que foi tão espontâneo... tão "cá de dentro"... Lisonjeiro, não começa a descrever.

...E tudo o que tu me falas, sobre o Outro Lado do Espelho, a Casa Mater...

...o ser REAL...!

...há uma palavra que me vem à mente...

...cuja pálida representação de... TAL... eu tenho numa imagem... no meu "refúgio"...

*fechando os olhos e sorrindo*

"...E quando alguém nos leva até 'lá'..."

...

"...Um eterno renascer..."

(Há coisas para as quais mais palavras... nem têm lugar... Só um imenso Sorrir de Alma...)

:)

luar perdido disse...

Do outro lado do espelho, do outro lado da alma, do outro lado da vida, do outro lado do sonho. Do outro lado do amor, do outro lado da esperança.....Que a barca possa sempre navegar entre reflexos de poesia e vida.
Lindo Ni, como só tu.

Beijo em espelhados raios de luar

Ni disse...

LUAR PERDIDO:

Um blog vale pelo todo... posts e comentários... interacção.
É-me gratificante ler comentários neste espaço... que ultrapassam a escrita original - o post -

Os teus são dos que leio avidamente, sabes? Pode o luar ser perdido... mas a tua percepção do 'para além' do dito é uma das formas de encontro entre sabedoria e poesia...

É verdade, luar... do outro lado do espelho... do outro lado da alma... do outro lado do eu e do outro... do outro lado da outra face do espelho... reflexo de reflexo, de reflexo, de reflexo... concêntricas espirais... ponte de um tempo para um espaço... viagem contrária na barca do rio Letes, o rio do esquecimento... para assim se fazer a viagem da memória... à poesia e à vida.

Abraço com espelho de lua e mar...

Gui disse...

Cheguei aqui através da nossa amiga comum Luar Perdiso, e em boa hora o fiz porque encontrei um espaço inteligente construido por uma mulher inteligente. É interessante como uma pequena frase nos pode levar a conclusões tão diversas mas todas elas plausíveis. Um beijo amigo

Ni disse...

GUI:

Bem-Vindo, então...
Vens 'por uma mão' que já me diz muito de ti...

Se uma palavra contém Univesos.... uma frase...

E o que é fascinante é sentir a entrega/abertura/partilha de quem lê, sente... e o diz.

Abraço de mar sereno

Cleopatra disse...

Vim olhar-me ao espelho novamente.
Do outro lado do espelho alguém me sorriu e disse:
Olá, por aqui novamente?
-Sim - respondi
-Pois então entra...
-Ainda não entro hoje...Talvez amanhã
Do outro lado do espelho vi-me sorrir-me
O amanhã existe.
BJ

Um Momento disse...

Embalada nas águas ,ondula a canoa com direcção ao carinho, ao sentimento emanado pela alma , dirigindo-se ao coração, reflectindo no espelho a ternura abraçada á emoção
Beijo terno...em ti

Mi
(*)

Ni disse...

CLEÓPATRA:

O amanhã é tão real como o ontem... :)...

Do outro lado do espelho... alguém perguntou... « reflexo, reflexo meu... há alguém que tão bem te saiba como eu?»...

É bom rir em espelho...
É bom sentir em espelho...
É bom 'dizer' em espelho...

Bj



MI (UM MOMENTO):

Palavras de ternura... ondulantes, como as águas de um apelo ao afecto...

Bj

Cleopatra disse...

Ni, o amanhã existe,..mas só amanhã.

Ni disse...

CLEÓPATRA:

Eu sei... por isso é que disse que o amanhã é tão real como o passado... um já não é e o outro ainda não é...

Nós somos o AGORA, no AGORA...

Carpe momentum...

Obscuridade Translúcida disse...

Esta noite..

Muito bom, parabéns...